top of page

NOTÍCIAS

  • Por Eduardo Freire - Médico Veterinário e jornalista

Microchip pet: Da identificação à segurança!


microchip em filhote
Microchip pet: Da identificação à segurança!

Buscando manter a saúde e o bem estar dos cães, os cuidados oferecidos pelos seus donos são fundamentais. No entanto, nem sempre conseguimos controlar todos os fatores que podem colocar em risco a segurança do nosso bichinho. Um exemplo disso são os casos de roubos e sequestros de cachorros, uma situação aterrorizante para qualquer proprietário.


A boa notícia é que hoje existem formas eficientes de reduzir esses riscos, e uma delas é a microchipagem canina. Esse recurso tem como objetivo identificar detalhadamente as informações do animal de estimação, proporcionando maior segurança e tranquilidade aos donos de pets. Quer saber mais sobre como funciona a microchipagem em cães? Acompanhe!

Microchip para filhote
Identificação eletrônica: obrigatório no Brasil e no mundo.

O microchip é um avançado sistema eletrônico que desempenha um papel fundamental na identificação precisa do cão. É um pequeno dispositivo que pode ter o tamanho de um grão de arroz ou até menor, como é o caso do nanochip da empresa Bychos. Ele é implantado na região da escápula do pet, proporcionando uma forma segura e discreta de identificação.


CARACTERÍSTICAS DO MICROCHIP

O microchip contém um código exclusivo de 15 dígitos, inalterável, que armazena todas as informações relevantes do seu amigão de quatro patas. Geralmente, é composto por duas partes: o dispositivo eletrônico e uma cápsula protetora de vidro bio-compatível, garantindo que não cause alergias ou reações adversas.


No Brasil e em diversas cidades do mundo, a microchipagem de cães é obrigatória por lei. Isso significa que, independentemente do cão ter sido adquirido em um abrigo ou por venda, é exigido que ele seja entregue ao novo proprietário com essa identificação eletrônica. Além disso, em viagens aéreas internacionais, é necessário que o peludo esteja microchipado para seguir viagem.

microchip para filhote
Nanochip Bychos - O menor microchip para cães!

COMO É REALIZADA A IDENTIFICAÇÃO DO MICROCHIP?

A identificação do número do microchip é realizada por meio de um dispositivo de escaneamento. Todas as informações relacionadas ao animal de estimação são cadastradas pelo próprio dono por meio do site da empresa responsável, permitindo um registro completo e personalizado. Após a leitura, o código correspondente é exibido no visor, possibilitando o acesso às informações cadastradas através de um serviço online de pesquisa.


SEGURANÇA E FACILIDADE NA IDENTIFICAÇÃO

A microchipagem garante maior segurança e facilidade na identificação do pet em caso de perda, abandono ou em outras situações que necessitem comprovação da propriedade, proporcionando uma forma eficiente e conveniente de proteção do animal de estimação.


Uma vez implantado, o microchip permanecerá no corpo do cachorro para sempre. Em caso de óbito, mudança de proprietário ou endereço, é necessário que o dono do pet, atualize seu cadastro. .


PROCEDIMENTO DE APLICAÇÃO

Para garantir a segurança e o bem-estar do pet, a aplicação do microchip deve ser realizada por um profissional capacitado, como um veterinário. Não é necessário utilizar anestesia no cãozinho, pois a aplicação é semelhante à administração de vacinas, sendo um processo rápido e minimamente invasivo.


Lembre-se de manter sempre os dados do cadastro atualizados. Ou seja: atualize sempre as informações do seu pet e suas no sistema online do microchip e tenha certeza de que você está fazendo o possível para protegê-lo de qualquer perigo. Sua tranquilidade e a felicidade do seu pet agradecem!



Agradecimento: www.bychos.com

Kommentare


Notícias recentes
Arquivo
bottom of page